5 aspectos com poder destrutivo dentro do seu relacionamento amoroso

A grande maioria dos relacionamentos amorosos começam com grande conexão. O casal está em perfeita sintonia. Com o passar do tempo, as coisas começam a mudar.





A grande maioria dos relacionamentos amorosos começam com grande conexão. O casal está em perfeita sintonia: ajusta seu tempo para estar com o outro, busca aperfeiçoar sua performance pessoal, torna-se empático, gentil e amoroso. O relacionamento é novidade e conhecer a outra pessoa é um processo intenso de prazer e satisfação. No entanto, com o passar do tempo (optando o casal por permanecerem juntos), duas coisas acontecem: a paixão e a novidade dão lugar ao amor, que vai surgindo com intensidade, e a novidade, que não é mais novidade, dá lugar ao corriqueiro.


Estar com a pessoa amada deixa de ser uma "urgência"; torna-se uma "importância".

Como o amor se apresenta com tonalidades de calmaria, o casal começa a dar espaço, também, as suas atividades particulares, reserva espaço na agenda para os amigos, o happy hour com o pessoal do trabalho, o final de semana com os pais. Os projetos de vida, antes deixados um pouco de lado, ressurgem e vêm para ficar. Todos esses arranjos são muito importantes para qualquer relacionamento amoroso, afinal, cada um deve ter as suas atividades, o seu tempo livre e as suas particularidades.


Mas...

Incontestavelmente, algumas nuances acerca disso abrem passagem dentro da vida a dois: são os 5 aspectos com poder destrutivo dentro do relacionamento amoroso. São eles:


1. Rotina

2. Ruídos na comunicação

3. Questões financeiras

4. Falta de tempo de qualidade

5. Falta de intimidade

Vale aqui mencionar algumas características a respeito de cada um deles:

1. ROTINA: correria do dia-a-dia; estresse cotidiano; jornada ampla de trabalho fora e dentro de casa; má divisão de tarefas domésticas; sobrecarga de trabalho e responsabilidades; engessamento de hábitos e comportamentos disfuncionais.

2. RUÍDOS NA COMUNICAÇÃO: falta de diálogo; falta de escuta ativa; falta de empatia na hora da conversa; não expressão de desejos e sentimentos; não compreensão de comportamentos e atitudes do outro.

3. QUESTÕES FINANCEIRAS: divisão de responsabilidades financeiras; cobranças; mal gerenciamento do orçamento doméstico; falta de diálogo sobre dinheiro; divergências nas decisões de compra; educação financeira deficiente; comportamento consumista.

4. FALTA DE TEMPO DE QUALIDADE: falta de equilíbrio de múltiplos papéis (vida pessoal, familiar, profissional); uso desenfreado de tecnologias; falta de compromisso de passarem tempo juntos (corresponsabilidade); longas jornadas de trabalho; falta da gestão de tempo; falta de definir prioridades.

5. FALTA DE INTIMIDADE: rotina conturbada do casal; falta de comunicar ao par aquilo que gosta; falta de conhecer o outro; não conexão com o outro; não entendimento do comportamento do outro.


Esses aspectos:

- te impedem de compreender o comportamento do outro

- dificultam a negociação

- te deixam inseguro (a) e apreensivo (a)

- te fazem sentir-se incompreendido (a) e frustrado (a)

- dificultam a compreensão mútua

- te fazem pensar que relações amorosas duradouras não são possíveis

- desorganizam tua vida conjugal

- te isentam de responsabilidade dentro do relacionamento

- te distanciam do teu par

- te fazem perder o hábito do toque físico

- dificultam a empatia

- te fazem olhar o outro com julgamentos

- te deixam acomodado (a)

- te sobrecarregam

- esvaziam a relação

- dificultam a comunicação (fala e escuta ativa)

- te fazem ver a realidade apenas sob o teu ponto de vista


Notoriamente, esses aspectos são geralmente inerentes a qualquer relacionamento amoroso. E, na maioria das vezes, o casal não saber como lidar com eles. Por isso, se faz importante ler atentamente as dicas que vou escrever aqui a fim de que se neutralizem esses 5 Aspectos com Poder Destrutivo dentro do Relacionamento Amoroso:


1. ROTINA:

a) ter uma agenda (papel ou aplicativo) para anotar as atividades diárias

b) manter equilíbrio ente as atividades do trabalho e as de casa / “papéis”

c) distribuição de tarefas domésticas entre o grupo familiar

d) divisão de responsabilidades entre o casal / corresponsabilidade

e) mudança de hábitos e comportamentos / construção de hábitos/comportamentos mais funcionais e saudáveis


2. RUÍDOS NA COMUNICAÇÃO

a) expressão objetiva e clara de desejos, necessidades e sentimentos (o par não consegue adivinhar)

b) rever maneiras de transmissão da mensagem

c) atentar para a comunicação não-verbal e comportamento, pois também transmitem mensagens

d) exercitar a empatia na hora da conversa

e) saber negociar (negociação conjugal)


3. QUESTÕES FINANCEIRAS

a) dividir responsabilidades financeiras de acordo com a renda de cada um

b) planejar e gerenciar o orçamento doméstico

c) identificar e modificar padrões comportamentais advindos da família de origem

d) acabar com a infidelidade financeira (esconder ou mentir sobre gastos)


4. FALTA DE TEMPO DE QUALIDADE

a) diminuir o uso de tecnologias

b) definir prioridades (individuais e do casal)

c) conciliar vida pessoal, familiar e profissional – equilíbrio

d) planejar o tempo (individual e do casal)

e) mudança de hábitos e comportamentos / construção de hábitos/comportamentos mais funcionais e saudáveis


5. FALTA DE INTIMIDADE

a) entendimento do seu comportamento e do comportamento do outro

b) planejamento de tempo de qualidade para estarem juntos e próximos (conexão)

c) comunicar o que se gosta na relação a dois (conversar muito sobre tudo)

d) fazer coisas juntos e) envolver-se em atividades que tenha proximidade física com seu par f) descobrir qual a sua linguagem de amor e a linguagem de amor do seu par


Por fim, se você quer vivenciar um relacionamento saudável e próspero, é imprescindível que se invista nesse relacionamento. E isso começa pelo aprimoramento de SUAS características pessoais, competências e habilidades de se relacionar, bem como, de comunicação. O SEU autodesenvolvimento deve ser o precursor das mudanças que você quer ver acontecendo no seu relacionamento.


#relacionamentosaudavel #comunicacaonarelacao #coaching #mudanca #inovacao

116 visualizações
CONTATOS

Tel/WhatsApp (54) 999593326

Facebook: /anarita.sabadin

Instagram: @anaritasabadinn

E-mail: anarita.sabadin@yahoo.com.br

Endereço profissional: Rua Silva Jardim, 2141 - 608. Centro - Santa Maria/RS

"Empoderando pessoas a saberem o que já sabem"

Nome *

Email *

Assunto *

Telefone *

Mensagem *