As "desregras" de um relacionamento

Você já deve ter ouvido milhões de opiniões e discursos moralizadores sobre as "regras" que norteiam um relacionamento afetivo. A verdade é que quem faz as regras, nesse sentido, é o próprio casal. As demais pessoas é que ainda não entenderam isso.




Dia desses, ouvi de uma amiga: “Eu e meu marido nos vemos por poucos minutos durante o dia... e, mesmo assim, ele consegue me incomodar”. Ela flou isso de um jeito engraçado e com amor no olhar. Sim, é na passada pela porta que muitos casais se enxergam. Os únicos momentos do dia que muitos casais compartilham é a cama, seja para dormir ou para outras coisas. Conheço inúmeros que vivenciam essa realidade e parecem estar bem.


Outro dia, lembrei de ter ouvido, há muito tempo, alguém dizer que “a falta de convivência é o segredo de uma boa relação amorosa”. E sabe que é verdade? Muitos casais se entendem na falta que um faz ao outro... muitos se compreendem nos finais de semana apenas, entre uma atividade e outra. E tudo bem.


Alguns casais precisam de tempo conjunto e de atividades conjuntas para se conectarem verdadeiramente. Não desgrudam e sentem uma saudade imensa quando estão longe um do outro. Trocam mensagens durante o dia, se conversam o tempo inteiro. Mas esse não é motivo para se pensar que estão em uma relação tóxica como muitos julgam.

Há quem diga que namoro à distância não dá certo, pois gera desconfiança, falta de tempo e de intimidade. Outros, por sua vez, não abrem mão de morarem cada um na sua casa, com seu próprio banheiro, convivendo com o cônjuge/namorado(a) nos momentos em que é mais conveniente para ambos. E tudo bem.


O que não está tudo bem é pessoas ditarem regras para os relacionamentos alheios. A chatice do regramento cabe para convenções sociais, passa por comportamentos adequados, ter ou não ter filhos, ter um imóvel, um cachorro, um papagaio. Cada casal sabe da sua simbiótica. Cada casal sabe (e se não sabe vai descobrir junto) o que faz sentido para as suas vidas e o que não faz.


Nunca a frase de uma música fez tanto sentido: “cada um no seu quadrado”...

9 visualizações
CONTATOS

Tel/WhatsApp (54) 999593326

Facebook: /anarita.sabadin

Instagram: @anaritasabadinn

E-mail: anarita.sabadin@yahoo.com.br

Endereço profissional: Rua Silva Jardim, 2141 - 608. Centro - Santa Maria/RS

"Empoderando pessoas a saberem o que já sabem"

Nome *

Email *

Assunto *

Telefone *

Mensagem *