4 dicas para você e seu cônjuge terem equilíbrio financeiro



Nem sempre é fácil manter nossa vida financeira equilibrada. Ainda mais quando essa vida financeira está relacionada ao casal. São perfis diferentes acerca da educação financeira, das prioridades e das escolas que envolvem as finanças. Abaixo, eu listei algumas dicas que podem ajudar o casal a manter o equilíbrio financeiro e a poder, também, conversar mais abertamente sobre isso.


1) Colocar em prática os seguintes princípios:

· Gaste menos do que ganha: os maiores problemas financeiros estão relacionados aos excessos.

· Não se preocupe em impressionar os outros ou ficar dando ênfase a questões de “status”: tenha uma vida equilibrada, sem se importar com aparências.

· Faça uma lista de prioridades suas e do casal.

· Anote ou use planilhas (há aplicativos disponíveis também) para verificar tudo aquilo que você e seu cônjuge gastam. Anote tudo!!

· Mantenha disciplina na sua vida financeira: guarde dinheiro. Tenha sempre uma reserva!


2) Dialogar com o parceiro (a) e conversar mensalmente sobre finanças

O diálogo é uma ferramenta indispensável para um bom relacionamento. Por isso, busque sempre conversar com seu parceiro, seja ele namorado (a), esposo(a), companheiro(a) antes de tomar qualquer decisão. Quando às despesas, tenham objetivos em comum e muito claros um para o outro. Isso ajudará vocês a tomarem decisões responsáveis. Crie o hábito de conversar pelo menos uma vez por mês com seu parceiro(a) sobre as finanças do casal. A comunicação é muito importante! É neste momento também que poderão fazer ajustes, avaliar os planos e as metas traçadas.


3) PLanejar os objetivos de curto, médio e longo prazos

É imprescindível que os seus objetivos estejam alinhados aos objetivos de seu parceiro (a) para que haja harmonia em seu relacionamento. Portanto, busque traçar objetivos e metas mensuráveis e palpáveis. Tracem metas em conjunto para o mês, para o ano e para os próximos 5 anos. Montar uma tabela seria ótimo!


4) Se surgirem problemas financeiros, procurem juntos a solução

Problemas financeiros podem ocorrer. Nesses momentos, o diálogo deve estar presente, bem como o casal deve encontrar a melhor solução para o entrave sem julgar e apontar o culpado. Procurar aconselhamento de um profissional pode ser válido caso o casal não esteja conseguindo se organizar. No entanto, a união e o diálogo nesse quesito são imprescindíveis!


Perguntas e respostas:


Quanto cada um ganha?


A transparência é muito importante na vida a dois. Por isso, é primordial que o casal converse sobre as finanças e que saibam qual é a remuneração líquida um do outro. Na maioria das vezes, os cônjuges não ganham a mesma quantia, mas as pessoas acham que cada um deve contribuir com o mesmo valor, mesmo ganhando salários diferentes, e as brigas começam a partir disso. O erro está aí! Os gastos conjugais devem ser proporcionais!


Conta conjunta é a solução?

Depende. Para uns, a conta conjunta facilita o dia-a-dia do casal. Para outros, conta conjunta é sinônimo de brigas e cobranças. Então, essa questão vai depender muito do relacionamento do casal. Isso deve ser uma questão de livre escolha, pensando sempre no bem-estar de ambos!


É importante investir?

O investimento é crucial para ter um orçamento saudável. O ideal é que o casal monte um plano de investimentos, com base nos objetivos financeiros que queiram alcançar no curto, médio e longo prazos. Existem vários modelos de investimento, e o casal poderá recorrer àquele que melhor atenda a sua realidade financeira.


Organizar as finanças em conjunto é difícil?

Não é difícil organizar as finanças do casal quando o esforço e dedicação parte dos dois. Lembre-se que a comunicação deve estar sempre presente em todos os aspectos da vida do casal, principalmente no que se refere a dinheiro. Os gastos conjugais devem ser proporcionais e cada um deve colaborar com as finanças da casa de acordo com o salário líquido recebido. O ideal é que o casal cresça junto!


(adaptado de Rafael Seabra e Gustavo Cerbasi)

34 visualizações
CONTATOS

Tel/WhatsApp (54) 999593326

Facebook: /anarita.sabadin

Instagram: @anaritasabadinn

E-mail: anarita.sabadin@yahoo.com.br

Endereço profissional: Rua Silva Jardim, 2141 - 608. Centro - Santa Maria/RS

"Empoderando pessoas a saberem o que já sabem"

Nome *

Email *

Assunto *

Telefone *

Mensagem *